Agora vou fazer minhas malas

Quer saber, agora sou eu
Que não te quero
Que não vou a sua procura
Nem ligarei de volta, esperenado por sua resposta
Muito menos baterei na sua porta, com a mesma esperança de que você me atenda.
Não mandarei mais carta onde falo de mim e a todo tempo pergunto se está bem.
Agora vou fazer minhas malas, com a certeza que você não me impedirá de ir.
E enquanto arrumo minhas coisas, relembro tudo que fiz por você e o quanto de amei.
Mas agora o que estou fazendo é por mim.
Eu vou sair para sempre da sua vida.
Para poder viver a minha vida esquecida.

Leave a Reply

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas