BRINCADEIRA DE CRIANÇA

Brincadeira de criança
Jogar queimada na escola, brincar de pique esconde, correr feito maluca, gritar salve todos
Como é bom ser criança, sem nada pra se preocupar, carregar apenas o sorriso, quando correndo a brincar
Brincadeira de criança, subir nas árvores, brincar de balanço, cabra cega ninguém me pega, carrinho de rolamento, empurrado pelas ruas sem medo, sem tormentos
Joelhos ralados, cabeça dos dedos escafolados, cabelos embaraçados
Pele queimada do sol, nada disso tirava a alegria e a energia de correr, brincar de caracol
Brincadeira de criança, quanta saudade, quanta esperança,
Fazer cozinhadinho com as colegas, e as bonecas, carrinho de boi feito de palitos de fósforo
Ser criança era ser feliz, com cicatrizes que deixam saudade
E ter história pra contar, quando seus filhos chegar
Brincadeira de criança, guarda no peito, na memória a lembrança da minha infância
Hoje, brincadeira de criança, já não é igual, se perdem em computadores, jogos, internet
Não sabem o que é comer fruta no pé, brincar de jacarandá, cabra cega nem pensar
Comer fruto do mato, esconder em buracos, se sujar chupando manga debaixo da árvore, carrinho de casca de melancia nunca tiveram essa agonia de tentar fazer,
A maioria não terá a felicidade de contar para os filhos e netos, como era ser criança, pois não sabem o que é infância
Reny Lima
17/09/16

BIOGRAFIA RENY LIMA UNTONE (RENY LIMA) Sou amante das letras, e escrevo deixando meu coração falar, e elevo minha alma tentando abrilhantar meu poema. Formada em letras português e inglês e suas respectivas literaturas pela Faculdade Multi - Educativa, no ano de (2009) em Taguatinga DF. Exerço a função de Técnica de Enfermagem, formada pela Escola Técnica de Saúde de Brasília, no ano de (1989) profissão que escolhi com paixão a qual dedico boa parte do meu tempo. Aprendi a amar as letras após conhecer de perto as obras Guimarães ROSA e MACHADO DE ASSIS. Através dos meus poemas realizo meu sonho de escrever e deixar transparecer minha alma e meu coração, desnudando os sentimentos. Estou me preparando para escrever meu livro e participar de algumas Antologias as quais fui convidada. Procuro escrever de forma simples, deixando que a leveza da caneta rabisque no papel a magia dos sentimentos aflorados e revoltos em meu ser. Simples, humilde, e aprendendo a cada dia, assim sou eu.

Leave a Reply

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas