Catarina…

Morena dos olhos verdes Catarina do meu ENCANTO,
Sinto escorrer PRANTO, Pela face ENTRISTECIDA,
Como me dói esta FERIDA, Que custa a CICATRIZAR,
Porque eu tive que AMAR, Quem acabou com o sonho MEU…
Não te esqueço catarina, cigana muito BONITA,
Que as vezes ficava AFLITA, Pelas mancadas que eu DEI,
Fui fiel e RESPEITEI, O amor que tu me DEU,
Quando esta paixão MORREU, Também morreu o sonho MEU…
Sérgio o Cancioneiro

Sou cantor, compositor e poeta rio grandense.

Leave a Reply

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas