Atividade

  • Plínio Marcos Basílio Garcia publicou uma atualização 1 mês, 1 semana atrás

    Piquenique

    É só mais um dia,
    Observo, há pássaros no trigal
    O brilho denegriu, eu, não sabia
    O quanto à luz pôde ser desigual.

    Lembro-me que somente queria
    Em dezembro festejar o carnaval.
    E ela, toda feliz, me sorria.
    Pensando eu ser o tal!

    Flor tão bela, não há igual!
    Nas manhãs de sábado, ela fazia
    Os piqueniques no horto florestal.
    Entre as guloseimas ela pedia,
    Bolinhos de bacalhau…

    Louca não! Não existe o irreal,
    Sóbria de pensamentos dizia:
    Na floresta sou natural,
    Não é o que queria?

    Na realidade eu morria,
    Em transação bilateral.
    Mas, em seu braço eu vivia
    Traspondo a trama sexual.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas