O Inferno nosso de cada dia…

O inferno nosso de cada dia…

Em meio à guerra de egos…

Egos inflados onde impera a hipocrisia

Sentimentos inertes, congelados

Os dias seguem…tristeza e agonia.

 

Delírios de poder, ambição!

Materialismo desenfreado;

Vendem tudo, a mãe, a alma e a nação

São válidos os pactos com o diabo.

 

Saqueadores da Nação e do mundo!

Violência, desrespeitam o meio ambiente

Desmatamento em frações de segundos…

Falta o verde, oxigênio…realidade deprimente.

 

Despertar!

Respeito, ação, valorização

Lutar!

Apesar das batalhas já vencidas…

Dizer adeus ao pessimismo.

Transformar!

Dias de “Paz” no paraíso.

By lila
....

1 Comment

  1. Bom poema

Leave a Reply

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas