O VINHO EM NOSSA MESA

O VINHO EM NOSSA MESA

Marcos Olavo

 

Nasce o dia em um tempo frio,

Desenhado pela fome do sentimento,

E paixão amassado, o vinho que bebo,

Os sonhos vividos pela a nossa vontade.

 

A mesa aqui existe ainda,

E sonho atrevido em minha cara,

E tristeza em cada gole da seca,

Falando de uma coisa estranha.

 

É o nosso sonho neste mundo,

Gritando no peito deste poeta,

Algo alegre nessa hora falada,

O mistério do vinho nos lábios.

 

O mundo ainda não nos conhece,

O frio esperando a sua vez.

A mesa em um lugar desconhecido,

E já falado pelo o corpo do medo.

 

 

Leave a Reply

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas